quinta-feira, 10 de novembro de 2016

Os Yankees sobreviverão

Pois é... enquanto aqui Aecin não aceita derrota, Garotin não aceita derrota ... nos EUA a transição já é acertada.Os coxinhas que  apoiaram o golpe continuam lamentando a vitória de Trump , muitos deles com discursos e ações tão ou mais perigosas que a do ricaço americano. Os Yankees sobreviverão com certeza , já a gente tem  muito mais  a temer e pesar ...


O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, teve um encontro com o seu sucessor, Donald Trump, hoje (10) pela manhã, na Casa Branca, para acertar a transição entre o atual e o futuro governo. No final, Obama disse que a conversa entre os dois foi "excelente".
Obama e Trump passaram cerca de uma hora e meia juntos no Salão Oval da Casa Branca. Obama disse que sugeriu ao presidente eleito uma "transição bem-sucedida entre as duas presidências".
"Como eu disse ontem à noite, minha prioridade número 1 nos próximos dois meses é tentar facilitar a transição que garanta que nosso presidente eleito seja bem-sucedido", afirmou Obama. A posse do novo presidente será no dia 20 de janeiro.

Obama disse que ficou "encorajado" pelo interesse do presidente eleito Trump de trabalhar com a sua equipe em questões relevantes do país. "Acredito que é importante para todos nós, independentemente do partido, e independentemente de preferências políticas, trabalhar em conjunto."

Com informações da Agência Brasil  aqui

Operação Proclamação da República começa nesta sexta-feira nas rodovias federais

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) inicia à 0h desta sexta-feira (11) a Operação Proclamação da República nas rodovias federais de todo o Brasil. Até as 24h da próxima terça-feira (15), os agentes farão o policiamento reforçado em trechos estratégicos, com maior índice de acidentes.

Segundo a PRF, o número de mortes e acidentes graves em rodovias federais do país caiu, mas ainda é considerado “preocupante”, já que são quase 6 mil mortes por ano, somente por acidentes nas estradas.


O planejamento da operação, de acordo com a PRF, levou em conta a análise de cada região neste período e de dados como os de acidentes fatais ou com vítimas feridas gravemente. A partir das avaliações dos dados, a PRF definiu o tipo de infrações que mais serão coibidas durante a operação, como dirigir em excesso de velocidade ou sob efeito de álcool, não usar cinto de segurança e cadeirinhas infantis, fazer ultrapassagens indevidas e usar telefone celular na direção.Mais em Agência Brasil

sexta-feira, 26 de agosto de 2016

ROSINHA GAROTINHO E A FARRA COM DINHEIRO PÚBLICO

Campos: R$ 70 mil a Milton Cunha para “gerenciar” carnaval fora de época

milton cunha
O Campos Folclore Folia, realizado no último final de semana, não empolgou o público, que pouco compareceu ao evento, como mostrei aqui.
Porém, pelo menos uma pessoa deve ter ficado feliz: O carnavalesco Milton Cunha. Para gerenciar e organizar o evento, ele irá receber R$ 70 mil. O contrato, sem realização de licitação, foi publicado no Diário Oficial de hoje.
O evento organizado por Milton Cunha teve patrocínio da Record e da cervejaria Devassa (aqui), mas levou diversas suplementações a Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima (aqui). O pagamento do carnavalesco é da parte da prefeitura.
Pergunta que não quer calar: Se era para ter festa, não havia uma pessoa da área cultural de Campos capaz de organizar com um valor menor? Aliás, para que mesmo que foi a festa em um município em emergência econômica e que já pegou três empréstimos e onde as reclamações continuam constantes especialmente na área da saúde?
Fonte: Folha da Manhã on-line

quarta-feira, 13 de julho de 2016

Campos e Campinas: prioridades bem diferentes

Por Alexandre Bastos, em 13-07-2016 - 10h49


elevadorhospitalbeneficenciaportuguesa069-6322372-400x266
Em Campinas, empresário doou elevador de R$ 230 mil
rosinha carnaval
Em Campos, empresários vão gastar meio milhão com a folia
Recentemente, ao comentar sobre o eterno problema em um dos elevadores do Ferreira Machado, o blog citou um caso que ocorreu em Campinas (aqui). Por lá, o Hospital Beneficência Portuguesa inaugurou um elevador com capacidade para 12 pessoas. O equipamento custou cerca de R$ 230 mil e foi viabilizado graças à doação do empresário Armindo Dias.
Já em Campos, empresários da Record e da Devassa resolveram comprar cotas (R$ 250 mil/cada) para bancar o Carnaval fora de época, enquanto faltam macas e itens básicos nos hospitais. Isso sem falar no elevador do HFM…
Fonte: Folha da Manhã on-line

quinta-feira, 7 de julho de 2016

RENÚNCIA DE CUNHA TEM CHEIRO DE PIZZA

E o cozinheiro responsável é Michel Temer. A cena do crime está montada: Eduardo Cunha renuncia à presidência da Câmara, mas mantém o mandato. Com isso, passa a articular a candidatura do seu sucessor, que terá a missão de evitar a cassação do seu chefe. Tudo isso com a conivência de PSDB e DEM e a regência do presidente interino Michel Temer. Para nós, a renúncia não basta: queremos que Cunha seja CASSADO!  Lindbergh Farias

Bate - papo na AIC com Carlos Alberto Jr


“Morar Feliz” na rota do crime em Campos


 
Jhonattan Reis
Foto: Michelle Richa

“Grande problema que contribui para a letalidade de adolescentes e jovens ligados ao tráfico de drogas é que houve mistura de pessoas de facções criminosas no mesmo espaço por conta das casas populares. Isso gera um conflito grande”. A afirmação é do chefe de serviço da 146ª Delegacia de Polícia (Guarus), Francisco Cardozo, durante Café da Manhã Comunitário realizado na manhã desta quarta-feira (6), na Associação Comercial e Industrial de Campos (Acic). O evento, que é realizado mensalmente, tem a intenção de aproximar a sociedade de órgãos de segurança que atuam na cidade. No encontro desta quarta estavam presentes representantes do Poder Público Municipal, da sociedade civil organizada e de moradores de bairros de Campos.


— Quando essas casas populares do “Morar Feliz” foram divididas, acabaram juntando duas facções no mesmo espaço. Hoje temos, na mesma comunidade, a divisão por ruas. Em um lado há pessoas de uma facção e em outro lado já tem pessoas de outra. É impossível a convivência entre elas, devido à demanda do tráfico — apontou Cardozo, falando, ainda, sobre a divisão das residências. — As pessoas responsáveis por dividir esse espaço não tiveram o cuidado de chamar representantes da segurança no município para auxiliar em relação a isso.  Seria relevante se a Prefeitura tivesse como redividir esse espaço, mas não sei se isso é possível — disse.


Mais uma vez a arrogância desse governículo faz vítimas. Falta de aviso e orientação dos técnicos não foi ! 
Sem critérios técnicos, não só misturaram facções criminosas,  separaram famílias que conviviam há anos na mesma comunidade. Levaram para a Penha antigos moradores de Ururai, transferiram moradores de Ururai para o Jockey e por ai vai, causando diversos transtornos inclusive prejudicando a vida escolar de muitas crianças e adolescentes. 

Rosinha já gastou cerca de R$ 85 milhões para manter os jardins



A Emec Obras e Serviços recebeu, na última terça-feira (05), mais R$ 1,1 milhão por manutenção dos parques, jardins e afins.O contrato com a empresa, firmado em junho, foi de R$ 11,4 milhões.Entre 2011 e 2016 o governo gastou cerca de R$ 85 milhões para manter os jardins.

Doação – Mas não foram apenas as plantas que a Emec regou. 
Em 2014 a empresa fez uma doação de R$ 350 mil ao diretório estadual do PR, presidido por Anthony Garotinho, candidato ao governo do estado naquele ano.

 Fonte : Blog do Bastos

Cunha renunciou ...

Em coletiva à imprena, ex-presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) anuncia sua renúncia à presidência, dizendo que a câmara está "acéfala" por permitir que o seu processo de cassação seja admitido.

"Somente a minha renuncia poderá por fim a essa instabilidade sem paz", disse o deputado réu em processo de lavagem de dinheiro e corrupção no STF. Em discurso hipócrita, ainda acusou o órgão de seletividade e se disse perseguido.
Fonte: Mídia Ninja

Na planície Goitacá " Nos" não decide nada ! Mim vai escolher o candidato !


Que' Nos' que nada... quem já não viu esse filme? Toda  eleição a estratégia é a mesma. Melhor para a população que em sua grande maioria anseia por mudança, pelo sepultamento desse grupo . Não precisam de oposição, eles mesmo se enforcam.
Vejam abaixo a postagem do blog do Fernando Leite, que pelo que fiquei sabendo será entregue ( rindo alto) ao líder Garotinho. 


"Há uma versão circulando - e a história é composta por versões - que os vereadores da base governista teriam editado um documento restringindo a escolha do candidato oficial à prefeito de Campos à bancada dos vereadores do PR, partido matriz da aliança eleitoral para 2016.

O "documento" de caráter excludente, elimina da disputa os nomes do vice-prefeito, Chicão, o melhor avaliado pelas pesquisas, entre os candidatos do grupo da situação, e Mauro Silva, filiado ao PSDB. Os demais nomes que postulavam a vaga desistiram.

Ficam na corrida, os vereadores Paulo Hirano e Fabio Ribeiro.

A questão nebulosa nesse processo é o surgimento desse "documento", que, pelo escrito e pelo visto, tem o claro condão de abortar o plano de vôo do médico Chicão, que nas duas gestões da atual prefeita, foi o copiloto da máquina pública e é, entre seus pares, o que tem a maior visibilidade eleitoral. Maior do que todos os seus concorrentes internos somados.

O que há contra Chicao?

Com a experiência de quem enfrentou essa batalha interna, tenho cá comigo, que o "documento" é psicografado. Ditou-o a grande eminência parda do governo.

Fissura à vista.

O "documento", ao que se sabe, favorece ao vereador Hirano.

Aguardemos, pois. "

sábado, 2 de julho de 2016

Governo do Rio usará repasse federal para pagar salários atrasados

Flávia Villela - Repórter da Agência Brasil


O governador em exercício do Rio de Janeiro, Francisco Dornelles, anunciou hoje (2) que usará a verba de R$ 2,9 bilhões, liberada pelo governo federal para cobrir gastos com a segurança do Rio de Janeiro durante a Olimpíada, para pagar a segunda parcela dos salários de maio dos servidores ativos, inativos e pensionistas, na segunda-feira (4). Ele participou de uma reunião nesta manhã com os secretários de Fazenda, Julio Bueno; de Planejamento e Gestão, Francisco Antônio Caldas; da Segurança, José Mariano Beltrame; com o comandante da PM, coronel Edison Duarte dos Santos, e o chefe da Polícia Civil, Fernando Veloso.
Também serão pagos os salários atrasados de junho, o Regime Adicional de Serviço (RAS) ainda pendentes, e o primeiro semestre de 2015 do Sistema Integrado de Metas (SIM). Outro pagamento a ser feito na próxima semana será a RAS Olímpica de R$ 43 milhões para 3 mil policiais que vão trabalhar durante os Jogos, entre julho e setembro. A premiação do Sistema Integrado de Metas relativa ao segundo semestre de 2015 será incluída na folha de agosto, paga no décimo dia útil de setembro.
“Nosso compromisso prioritário é com os servidores. Por isso, vamos começar a utilizar os recursos com eles. Aproveito, mais uma vez, para agradecer o presidente Temer e sua equipe, pelo apoio para que possamos‎ realizar uma grande olimpíada e com segurança para todos”, afirmou Dornelles.
O Rio de Janeiro enfrenta uma de suas piores crises financeiras. Há meses, o estado atrasa salários de servidores, serviços da saúde, educação e segurança, que corre risco de ser interrompida. O governo fluminense também tem deixado de honrar contratos com prestadores. Recentemente, Dornelles decretou estado de calamidade pública, por causa do déficit orçamentário de R$ 20 bilhões. O repasse do governo federal veio logo após a edição do decreto.
Edição: Wellton Máximo