quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

CLÍNICA DE REABILITAÇÃO PARA DEPENDENTES QUÍMICOS PEDE SOCORRO: ATÉ QUANDO ROSINHA GAROTINHO?

Prefeitura pagou R$ 180 mil por queima de fogos

Foto: Divulgação/Prefeitura de Campos
Foto: Divulgação/Prefeitura de Campos
No verão da crise, marcado pelo fim dos grandes shows nacionais, a Prefeitura de Campos não poupou recursos quando o assunto foi o “espetáculo pirotécnico”.
De acordo com publicação no Diário Oficial desta quarta-feira (24), a Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima (FCJOL) contratou (com dispensa de licitação) a empresa Inside FX Efeitos Especiai, por R$ 180 mil, para “apresentação de espetáculo pirotécnico com queima de fogos a fim de atender ao Reveillón da Família, bem como as festas de Santo Amaro e São Sebastião, conforme o calendário fixo das programações culturais da municipalidade”.
Mais caro do que 18 shows – Ao que tudo indica é bem melhor soltar fogos do que ser artista local. No Diário Oficial desta quarta-feira também constam os pagamentos pelos shows locais. A soma de 18 shows locais ficou em R$ 105 mil.

DO BLOGUEIRO:
em compensação, a clínica de reabilitação 

Geremias de Mattos Fontes, que trata de 

dependentes químicos, em Pedra Lisa, Morro 

do Coco, já vai para quatro meses sem 

pagamentos. 
Lamentavelmente está a ponto de fechar as portas.
Até quando Rosinha Garotinho?

Nenhum comentário: